22 de janeiro de 2010

Obesidade mata.



Durante a briga, Mia sentou em cima de Mikal e acabou matando-o involuntariamente. O casal morava junto e tinha três filhos.

Mia recebeu uma sentença de três anos de liberdade condicional e 100 dias de serviço comunitário. Ela saiu da prisão imediatamente depois do julgamento, na quarta-feira (20).

Seu advogado argumentou que ela havia sido vítima de abuso doméstico durante um bom tempo. Ele pediu clemência à corte e lembrou que a acusada não tinha antecedentes criminais.
Ela disse que não teve intenção de cometer o crime. Mia disse que sentia por ter esmagado o pai de seus filhos.

"Eu só queria dizer que eu sinceramente sinto muito por esta situação", disse à TV local. "Eu queria poder trazê-lo de volta."

Uma irmã da vítima reclamou da sentença. "Você basicamente senta em cima de alguém e mata e fica em liberdade condicional? Isso é justiça?", argumentou.
Fonte: Globo


Dá para acreditar? Que história hein? Agora, por que ela sentou em cima dele?

4 comentários:

Simone Domingues disse...

menina que historia!!!

fiquei imaginando o homem embaixo dela credoooooooo
e cômico porém triste ne!!
lindona tenha um lindo fds
bjssss

Rívea disse...

esse mundo tá virado! :o

beijos e ótimo fim de semana, Karine!

Sabores e Sensações disse...

Nossa, que horror!
Ainda bem que estamos nos cuidando...rsrsrsrs
Bom findi!

Aline Sant'Ana disse...

Eu já disse... acho que ela se desequilibrou e sentou acidentalmente!

Penso na tristeza dela e fico triste.
:(

Rumo à casa dos 74 kg!!! Desce, gráfico, desce!!!