26 de fevereiro de 2010

Renascer.

Eu sei que andei sumida. Minha vida tá uma confusão e meu corpo está me mostrando isso em forma de dores de estômago. Gastrite, eu acho. Minha alimentação vai de mal a pior.Todo mundo sabe que tentar aliviar as tensões do dia-a-dia na alimentação só resolve por segundos. Após a comilança vem o arrependimento.Mas comos e controlar?Onde encontrar forças pra resistir e procurar outros meios de alivar a tensão.

Quero recomeçar.


Mas me sinto cansada, fisicamente e emocionalmente.


7 comentários:

Carla disse...

Nada de cansaço....
Levanta-te. Segue em frente!
Estamos contigo.
Beijinhos

Andrea Aoki disse...

Ká, e procurar ajuda médica nada???
Endocrino, nutricionista, vale até psicólogo, sei lá... seria bom viu??

Se cuida, bjusss

Sabores e Sensações disse...

Oi, Ká!
Sei que trabalha e estuda então seu tempo é curto, mas procure fazer algo que vai aliviar suas tensões algo que possa fazer 10 minutos por dia, um trabalho manual, por exemplo, se vc gostar. Pense em algo, pintura, desenho, bordado, tricô, crochê, enfim algo que te destraia alivie a tensão para que vc possa dominar suas vontades e ansiedades.
Eu me dedico a pintura, esqueço da vida quando estou pintando, só estou ficando sem tempo para ela....rsrs, mas é assim mesmo estamos sempre arrumando mais coisas para fazer...rsrsrs
Espero ter ajudado.
Beijos,
Re

Valéria disse...

Oi!! Sei como é estar esgotada fisica e psicologicamente... as vezes cansa mesmo.. mas sempre tem um novo dia para recomeçar, né? Olha, se pudesse, terapia seria ótimo, viu? Ah, linkei vc no meu blog!! Obrigada pela visita e pela força!! ENtão, adoreeeeeeeeeeei os seus gráficos de "sem doce". Lindo e útil. Bom fds. bjs

jefhcardoso disse...

Olá! Estou divulgando o meu conto O Diário de Bronson. Bronson é um abstinente alimentar novato e está sofrendo tudo que há de sofrível neste começo de calvário.
Gostaria de lhe convidar a dar uma olhada e quem sabe até um comentário para estimular o pobre Bronson nesta saga.
Abraço e agradeço antecipadamente pela atenção dispensada!
Jefhcardoso do http://jefhcardoso.blogspot.com .

Bella disse...

Amore, do que você precisa? Pergunta não retórica. E não responde pra mim, não, pára e fala pra você. Fale em voz alta, sozinha mesmo, pra sair de você e pros seus sentimentos terem voz. Faz uma lista. Escreve. E vai atrás. Se quiser falar, pode falar pra mim também -- tem meu email lá no Órrrkut. A gente sabe como é esse esgotamento e recomeçar. A gente sabe... Beijos.

* Aline Virtus * disse...

Sei bem como é isso. É um círculo vicioso nada bom! \o/ FORÇA! Vamos sair do buraco, de preferência mais magras! Bjs

Rumo à casa dos 74 kg!!! Desce, gráfico, desce!!!